MEMÓRIAS DE UM FAQUIR

Ontem, por volta da meia-noite, rebusquei memórias de uma infância feliz. Uma infância com gostos singulares. Eu devia ter uns oito ou nove anos, dividia um quarto com meu irmão mais velho. Quarto humilde, pequeno e aconchegante. Na época, havia duas camas de solteiro, um guarda-roupa imenso e antigo todo devorado por cupins e umContinuar lendo “MEMÓRIAS DE UM FAQUIR”

MEU SUPER-HERÓI

Todos nós admiramos super-heróis, sejam eles os X-men, o Homem Aranha, o Quarteto Fantástico, o Batman, o Super-Homem e por aí vai. Seus poderes fascinam a todos, seja soltar teia, ter força sobrenatural, ficar invisível, voar, ter visão de raio X, elasticidade, controlar o fogo, o gelo, a água, a eletricidade. Suas fantasias, que algumasContinuar lendo “MEU SUPER-HERÓI”