MORTE À BURGUESIA!

Na minha infância e adolescência, sempre tive um medo absurdo de apanhar. Sempre evitava ao máximo o conflito para que isso não acontecesse. Não lembro de ouvir a frase espectral que ressoava a dar com pau entre os corredores escolares: “Te pego na saída!” Nem de meninos querendo bater-me e muito menos de meninas querendoContinuar lendo “MORTE À BURGUESIA!”

AQUI NO BRASIL HÁ UM HITLER EM CADA ESQUINA

Aqui no Brasil, há em nosso cotidiano, um Hitler em cada esquina, porém, sem poder, sem exército. O leitor poderá assustar-se com tal afirmação, mas hei de explicá-la ao longo da crônica. Abra o seu Twitter — se não tiver, melhor ainda, você deve ser uma pessoa com mais paz de espírito e bom sensoContinuar lendo “AQUI NO BRASIL HÁ UM HITLER EM CADA ESQUINA”

GENTE QUE DIZ “NÃO FOI COMUNISMO DE VERDADE”: PRECISAMOS FALAR SOBRE ISSO

Todo mundo tem aquele amigo descolado, sabe? Aquele que se veste de qualquer jeito, fuma seu baseado na tranquilidade, tem tatuagens super legais por todo o corpo, piercings no mamilo, cortes de cabelo “estilosos” e etc. Acho que vocês entenderam, né? Porque assim ele destoa das pessoas normais, das pessoas que estão na “Matrix”, queContinuar lendo “GENTE QUE DIZ “NÃO FOI COMUNISMO DE VERDADE”: PRECISAMOS FALAR SOBRE ISSO”

O INFERNO ESTÁ CHEIO DE BOAS INTENÇÕES

Esta manhã ouvia uma entrevista com o Tarso Genro, ex-governador do Rio Grande do Sul. Em certo momento, uma pergunta feita pelo Luciano Potter, que é um dos poucos jornalistas que acompanho, me chamou a atenção de uma maneira peculiar: “Por que alguns políticos, tanto de esquerda como de direita, chegam por muitas vezes emContinuar lendo “O INFERNO ESTÁ CHEIO DE BOAS INTENÇÕES”

DESARMAMENTISTAS SÃO COLETIVISTAS E TODO COLETIVISMO É ESCRAVIDÃO

Agora, em épocas de eleições, vemos desinformação de todos os lados. Uma das mais vociferadas por um pessoal histérico é sobre as armas de fogo. O argumento gira em torno de que se liberar as armas, as pessoas vão se matar por qualquer motivo fútil. Vamos com calma. Primeiramente não há nenhum candidato armamentista. VocêContinuar lendo “DESARMAMENTISTAS SÃO COLETIVISTAS E TODO COLETIVISMO É ESCRAVIDÃO”

O AMOR À POLÍTICA É A FORMA MAIS VIL DE AMAR

O amor à política é a forma mais baixa e vil de amar, pois no momento que um ser humano deixa-se levar por partidos e burocratas, sua percepção de mal e bem tornam-se relativas, assim, justificando qualquer meio para atingir o tão sonhado fim, logo, se o seu burocrata ou seu partido de estimação agredirContinuar lendo “O AMOR À POLÍTICA É A FORMA MAIS VIL DE AMAR”